QUANDO ATÉ UMA MÁ PUBLICIDADE, SE TORNA UMA BOA

O Jornal El País diz de forma esplêndida “McDonald’s: A história de traição por trás da gigante dos hambúrgueres” e assim abrimos essa discussão. Em julho deste ano, a Netflix liberou em sua cartela o filme: Fome de Poder, de 2016. O longa narra a trajetória de Raymond Kroc, mais conhecido como Ray Kroc, e como ele transformou o McDonald’s no gigante que é hoje.

Capa do filme: Fome de Poder, 2016.

O filme aborda o surgimento da empresa do ponto de vista de Kroc e tudo que este fez para ter o controle total da empresa. Sem querer estragar as surpresas do filme, mas não foi Kroc quem desenvolveu a ideia desde o início. O primeiro restaurante que levava o mesmo nome, era propriedade dos irmãos Richard e Maurice McDonald e se localizava em Arcadia, Califórnia. Mesmo em 1937 eles já tinham o sistema rápido idealizado e desenvolvido em seu primeiro restaurante, o que era um diferencial para todos os restaurantes da época.

Por fim, Kroc vai comendo nas bordas possíveis e um dia os irmãos McDonald se dão conta que de não têm mais nada. Perdem direito do uso ao nome McDonald’s e saem sem porcentagem em cima das vendas ou de algum direito sobre a construção da marca. Eles terminam com apenas com um valor em torno de 2 milhões cada irmão, parece muito, porém receber isso de uma vez ao invés de créditos ao longo da vida faz toda diferença.

Um dos McDonald’s em sua inauguração em cena do filme.

O que vemos aqui é o básico caso de uma má publicidade, com intenção de causar dano a um produto ou serviço, mesmo que o diretor John Lee Hancock trate Kroc como um salvador, a imagem de malandro e manipulador que extorquiu a ideia genial dos irmãos não se extingue com tanta facilidade, pois a verdade é essa. Ray Kroc é um homem vil, entretanto bem-sucedido. Desse modo não abrangendo o McDonald’s pois tamanha fama e popularidade não se afeta como um simples ato de negatividade, seria necessário um complô para talvez afetar a empresa de modo significativo. Assim, McDonald’s ganha um publicidade gratuita!

 

FONTES:

https://brasil.elpais.com/brasil/2017/03/07/cultura/1488886754_368229.html

http://www.knowledgeatwharton.com.br/article/algumas-pesquisas-o-lado-positivo-da-ma-publicidade-gestores-de-fundos-de-hedge-habilidade-x-sorte-alinhando-preco-e-valor/

http://www.adorocinema.com/filmes/filme-234023/criticas-adorocinema/

https://cinema.uol.com.br/album/2017/03/14/fome-de-poder-14-coisas-que-voce-nao-sabia-sobre-a-criacao-do-mcdonalds.htm?mode=list&foto=13

http://www.vortexcultural.com.br/images/2017/04/Fome-de-Poder.jpg

https://www.netflix.com/br/title/80101899

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta